Cultura & Comércio

Wilson Otero
E Tenho Dito!
Colunista
Wilson Otero
José Raimundo
Crônica Do Leão
Colunista
José Raimundo
Fernando Wardi
Nossa Terra
Colunista
Fernando Wardi
Maria Das Graças Babá Reis Couto
Comportamento
Colunista
Maria Das Graças Babá
Clemer Gouvêa
Culinária
Colunista
Andrea Otero
José Guedes
Coluna Do Zé
Colunista
José Guedes
Maria Efigênia
Histórias Para Pensar
Colunista
Maria Efigênia
Leo Marques
Bafônicas
Colunista
Leo Marques
Wesley Fortes
Semana na Câmara
Colunista
Wesley Fortes
Leo Alves
Seu Direito
Colunista
Leo Alves

A VIDA É BOA!

E-mail Imprimir PDF
Precisamos de nos adaptar aos movimentos do cotidiano sem perder o equilíbrio e a suavidade.  Estar em harmonia com as forças da natureza, cultivar emoções e alimentação saudável, permitir o fluxo equilibrado de energias, fazer exercícios físicos, repousar e ter alegria de viver, são atitudes fundamentais para que a saúde seja preservada. 
Vivemos entre o Céu, que emana a energia impulsiva, e a Terra que irradia a vibração receptiva. A saúde depende da harmonia dessas forças, que gera a energia vital e compõe tudo o que existe na natureza: madeira, fogo, terra, metal, água. O excesso ou a falta de qualquer um deles causa doenças. Mais do que tratar órgãos, devemos estar interessados em descobrir qual é o seu padrão energético, isto é, os elementos da natureza que predominam em seu corpo, quais os pontos em que a energia está bloqueada e quais emoções desequilibram sua saúde: excesso de trabalho, estudo, comida, bebida, cigarro e falta de respeito com os ritmos da natureza? “O natural é dormir cedo, antes das 23 horas, porque é durante a madrugada que a energia do fígado e da vesícula, responsáveis pela vitalidade, é purificada. Então... madeira, fogo, terra, metal e água: todos nós temos um pouco de cada um dos elementos. Unir e equilibrar essas forças resulta em saúde. 
Madeira - rege o crescimento, o desenvolvimento, a liberdade, o espírito realizador. Traz a força do sol nascente com as caminhadas.  Fogo - traz calor, vibração, força, expansão e impulso para a vida. Capta-se a energia através do ato de cozinhar e dançar. Terra - simboliza a fertilidade, apoio incondicional, solidez, receptividade. É o elemento central, os outros quatro precisam da terra para existir. Tem a força da transição entre as estações do ano. Capta-se energia ao andar descalço na grama ou na terra. Metal – é a transição do outono, a energia do recolhimento para o fortalecimento de nossas raízes culturais e emocionais. Tem o poder de limpar e solidificar. Sente-se a energia através dos objetos metálicos e cristais de quartzo. Água - é o alimento essencial, sem água não existiria a vida. Tomar um banho de mar, de cachoeira ou mesmo uma ducha é a maneira de experimentar essa energia.
As doenças geralmente aparecem quando esse circuito energético é invertido ou bloqueado. Então, água corta metal, tirando energia do pulmão; metal represa terra, tirando energia do baço-pâncreas, e assim por diante. Não é fácil entender esses ciclos baseados na observação da natureza e feitos há mais de cinco mil anos. No entanto, essas leis valem até hoje. Acredite: a vida é boa. Cultive todos os dias, a autoconfiança e o otimismo.

( 1 Vote )
 
You are here: Home Matérias Comportamento A VIDA É BOA!